quarta-feira, 27 de março de 2013

A.R. - E durante um mês foi assim...

Nossa meninas deve estar super cansativo ler tudo né?
Mas estou me sentindo muito bem colocando cada detalhe para fora, se não quiserem ler, sintam-se a vontade, eu estou deixando aqui caso ajude alguém.

Como já falei em algumas tive um aborto retido, não um aborto induzido, ou espontâneo, procurei algumas informações e esta do site terra ficou bem resumido: 
Aborto retido é quando o embrião morre e não é eliminado espontâneamente por contrações uterinas. Por causa do óbito embrionário, não vai haver desenvolvimento gestacional, havendo a necessidade da retirada do conteúdo uterino. Isto é feito por curetagem ou por aspiração.
As causas do aborto no primeiro trimestre de gestação, como já vimos anteriormente em outras respostas, tem como origem principal alterações cromossômicas. O fato de apresentar um aborto retido não significa que a paciente não possa posteriormente ter uma gestação com evolução normal.
http://saude.terra.com.br/interna/0,,OI125290-EI1519,00-O+que+e+um+aborto+retido.html

Neste aqui tem outras informações bem interessantes: http://aborto-retido.blogspot.com.br/2008/03/expulso-o-que-realmente-acontece.html
Quando ocorre o aborto retido o tempo de expulsão a partir do diagnóstico não pode passar de 6 semanas, porque ai pode correr risco de uma infecção. Durante este tempo é importante fazer um monitoramento, no meu caso fiquei atenta a sangramentos, cólicas, dores no corpo, febre. Mas eu não senti nada. O que não é tão comum. Então porque não manter as esperanças né? Deus é quem sabia de tudo... 
Um dia fui colocar uma calça que adorava, e ela simplesmente não fechou, olhei para o Ronny, e falei não dá para acreditar. 

Um dia o diretor do centro obstétrico do hospital, aquele que nos explicou tudo direitinho, perguntou para o Ronny se eu já tinha tido algum sintoma, o Ronny disse que não, ai ele pediu para irmos lá, pois já estava completando um mês, e era melhor fazer outro ultrassom para saber quais providencias tomar... 
Gente olha nestes dias eu me sentia chegava no hospital com a cartinha do diretor então não tinha como se negarem a fazer o exame... Fizemos, e mais uma vez o saco gestacional continuava fechado, bem fechado, mas estava reduzindo de tamanho.

Pegamos o resultado e fomos passar em uma médica já que o Dr. só chegaria mais tarde, falei com a médica e dei o nome do diretor, ela olhou o último ultrassom e o primeiro e disse vamos te internar para fazer a curetagem, já tá completando um mês, daqui a pouco o seu organismo vai identificar um corpo estranho e pode complicar.

Então meu marido deu entrada nos papéis... e eu que iria trabalhar na parte da tarde, fiquei lá internada...

7 comentários:

  1. Pode desabafar Su...te faz bem e ajudara outras meninas tbm...bjos

    ResponderExcluir
  2. Estou acompanhando sua história.
    Imagino como deve estar. Mas Deus sabe de tudo e logo logo vcs teram um bebe lindo.

    Bjsssss

    ResponderExcluir
  3. Su, se está te fazendo bem desabafar, continue! Mesmo porque pode ser que outras pessoas tenham passado por esse mesmo problema que você e com essas informações tão detalhadas, pode ajudar.
    O importante é que sua saúde está bem... :)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. oi lindona... nossa eu to aprendendo mto sobre esse assunto....
    não posso imaginar o que vc passou..mas vc ta ajudando mto.. e deu a volta por cima neh...


    bjss

    ResponderExcluir
  5. Suuuu li todos os relatos hoje, e não me incomodei nenhum um pouco em ler tudo, afinal estamos aqui pra ajudar umas as outras nem que seja apenas com uma palavra!
    Que história menina, existem coisas q no momento em q acontecem a gente não entende o pq (como minha fratura por exemplo), mas que com um tempo a gente passa a entender e aprender mtas coisas, pelo menos comigo tem sido assim... nao vou te dizer q vc vai esquecer ou nao dar importancia pra sua dor, eu não faço ideia da dor q vc passou, deve ser realmente horrível.
    Só queria te pedir pra q vc pudesse tentar tirar uma lição disso, olhar e ver o q vc aprendeu, o q vc amadureceu, ou melhor, vcs!
    Fico no aguardo por mais relatos, to lendo tudinho!

    bjs

    fernandamouta.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. A esperança é sempre a ultima que morre mesmo né
    Não conhecia esse retido, infelizmente é bom a gente conhecer né, nunca se sabe
    Mas que bom que não deu complicações maiores né! Por isso tem que ficar sempre atenta!

    Bjus

    Taty

    ResponderExcluir
  7. Estarei sempre aqui para te ouvir, te considero uma grande amiga, e amigas são para isso.
    Deus não dá carga mais pesadas do que podemos carregar.
    Beijosss

    ResponderExcluir

Deixem o seu comentário, vou adorar ler o que tem para me dizer... Ah e volte sempre!!! A sua visita me deixa muito feliz