terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Que venha 2014

Oi minhas lindas, como estão os preparativos para a entrada do novo ano?
Aqui novamente nada de festas, ficaremos os 4 novamente, eu, Cacáh, papai e vovó, e ainda por cima minha está fazendo graça, já que ela está subindo mesmo eu tomando remédio, sinceramente estou preocupada e em sistema de alerta, se ficar oscilando, vou passar o primeiro dia do ano no hospital, mas não vou arriscar, agora minha saúde é a da filhota. Acredito que seja só o calor mesmo, mas chegar a 15x10 não tá legal.

Pensando em 2013, eu não posso dizer que foi o melhor ano, o que tenho a dizer dele é que será um ano que jamais esquecerei, um ano que ficará para sempre na minha memória seja pelos momentos bons ou ruins, e estes apesar de poucos deixaram marcas eternas, mas claro que a felicidade dos bons me ajuda a superar a tristeza dos ruins. 

2013 foi um ano intenso, casei no religioso, montei minha casa, me transformei em dona de casa, aprendi a cozinhar (o básico, mas aprendi), descobri o marido maravilhoso que tenho, que principalmente nas horas de angústias se mostrou mais presente e preocupado comigo, até virando um palhaço, quando me via triste, só para não me deixar cair (e olha que ele é bem sério), tive o primeiro ano profissional mais mal remunerado desde o dia em que me tornei professora, perdi o meu primogênito, meu filho, meu gatinho, meu anjinho que agora virou o nosso protetor, peguei pneumonia, que foi tratada como tuberculose contagiosa, fiquei isolada, largada em um hospital publico, perdendo o acesso dos medicamentos, chorando de desespero, clamando a Deus a todo momento misericórdia, vi meu marido para lá de preocupado, não com a doença em si, mas em eu ter pego ela naquela hospital, me aproximei demais de Deus, mesmo do meu jeito, na minha fé, e foi nesta hora que me senti nos braços dele, e recebi alta, e 45 dias depois o meu positivo, um sonho que eu achava tão longe, um momento, tão lindo, tão cheio de medos, de inseguranças, de incertezas, e agora a cada dia esta certeza está cada vez mais próxima, mais linda, mais completa, minha bebê, minha filha, minha Catherine, meu tesouro, meu tudo, e ainda meu marido começou a trabalhar pertinho de casa, não precisando mais levar mais de 2 horas para chegar no serviço, pegar ônibus, trem e metrô.

Para 2014 eu só posso pedir que Deus me proteja, que meu parto seja tranquilo (já que a hipertensão pode atrapalhar), que minha filha venha com muita saúde, que Deus me dê sabedoria para cuidar dela, que nos dê apoio e condições para criarmos a nossa filha, a realização do nosso amor.

É eu não tenho nada para pedir, apesar de ter devolvido meu anjinho para Deus, 2013 foi um ano abençoado, um ano que me trouxe muitas vitórias, um ano que abriu caminhos para que 2014 seja muito, mas muito abençoado.

Quero desejar a todas vocês, que mais uma vez compartilharam todos estes momentos comigo, sofreram com a minha perda, me deram colo nas minhas carências, que vibraram comigo com este positivo, com esta bebê, e mesmo a maioria que me segue estando tão ligadas a casamento, estão sim curtindo esta minha fase materna, Desejo um 2014 abençoado, que as alegrias de 2013 sejam multiplicadas, as mágoas, tristezas, e desilusões sejam esquecidas, que tudo que aconteceu de ruim fique em 2013, que 2014 seja um ano de felicidades, vitórias, saúde, amor, realizações.





4 comentários:

  1. Foi uma ano de lutas e e vitórias mais esta terminando mt bem!!! descansa bastante mt saúde feliz 2014 bjs!

    ResponderExcluir
  2. Oi Suzana!
    Vim desejar um 2014 abençoado, recheado de amor, paz e saúde!
    Que Deus lhe dê uma boa hora, vai dar tudo certo! Torcendo e orando aqui!
    Que nossa amizade cresça neste ano que vem chegando.
    Com carinho

    Femme Digital- Mãe, Esposa, Mulher!

    ResponderExcluir
  3. Repouso viu? e qualquer coisa vai no medico!
    Feliz Ano Novo querida!
    Que em 2014 sua princesinha venha com muita saúde, e que seja um ano abençoado com muitas alegrias, amor, saúde e dinheiro :)
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. É Su, apesar de todos os problemas que tivemos por aqui, adaptação à vida a dois e muitos problemas familiares, eu tenho mais a agradecer do que reclamar de 2013 sabia? Deus foi muito misericordioso e nos deu força!
    Esse ano será melhor para todos nós, em nome de Jesus!
    Bjs

    ResponderExcluir

Deixem o seu comentário, vou adorar ler o que tem para me dizer... Ah e volte sempre!!! A sua visita me deixa muito feliz